Andres Arango, vice-presidente do Conselho Carismático Católico Latino-americano – CONCCLAT, foi o palestrante da manhã desta quinta-feira (27) no ENF – Encontro Nacional de Formação para Coordenadores e Ministérios da Renovação Carismática Católica que está acontecendo no Centro de Eventos Pe. Vitor Coelho de Almeida em Aparecida-SP.

Com o tema “Jesus, o Rosto da Misericórdia do Pai”, Andres iniciou com uma reflexão sobre quem é Jesus, lendo o primeiro tópico da bula da misericórdia. Ele afirmou que ninguém pode comprar a misericórdia de Deus, pois é gratuita e acrescentou que na nossa jornada existem perguntas fáceis e difíceis, porém a mais importante para a nossa vida espiritual é: quem é Jesus para você?

Em seguida, o palestrante enfatizou que Deus nos conhece pessoalmente, revelando sua misericórdia. “Ele é amor, Ele é misericórdia. Só uma coisa é impossível para Deus: não nos amar. Não importa nosso pecado, não importa quanto tempo estávamos afastados dele, Ele nos ama”, disse.

O vice-presidente também destacou que os líderes devem ser mais acolhedores a exemplo de Jesus quando acolheu a mulher pecadora e a samaritana e que os Grupos de Oração devem ser casas de misericórdia. “Infelizmente, não há lugar para a misericórdia em muitos Grupos de Oração. Muitas vezes, os grupos são verdadeiros tribunais de justiça. Eles têm que se tornar verdadeiras casas de misericórdia, onde as pessoas experimentam o amor de Deus”, afirmou.

Arango também falou sobre o real convite do Papa Francisco ao proclamar o ano jubilar da misericórdia. “Papa Francisco não está nos convidando a aprender sobre a misericórdia. O convite é mais profundo: como podemos nos tornar misericordiosos?”.  Ele acrescentou que existem três formas pelas quais Jesus revela sua misericórdia: através das suas palavras, das atitudes e do seu ser inteiro.

Por fim, Andres Arango afirmou que sozinhos não conseguimos ser misericordiosos, pois só seremos assim se experimentarmos da misericórdia de Deus.